domingo, 30 de setembro de 2018

O VATICÍNIO DO GENERAL-PRESIDENTE DO BRASIL OU GUERRA CIVIL PRENUNCIADA


 
Joilson Gouveia*
  •       O mundo verá o que eles farão com tanta democracia” jogarão a Nação num lamaçal de dimensões continentais, onde o povo afundará na corrupção, na roubalheira, na matança até que se instaure o caos social seguido de uma inevitável guerra civil, chegado este momento, o povo clamará nas ruas, pela democracia implantada por nós em 1964” (Sic.) – João Batista de Oliveira Figueiredo.

Teria sido uma premonição de nosso visionário e profético ex-presidente do regime constitucional castrense federalizado, que fora escarnecido, enxovalhado e pechado diuturnamente de “ditadura-militar” por ilustres elitizados, “pensadores-críticos, intelectuais de botequins, personas “cult’s&chic’s” (meros usuários de drogas), e uma “imprensa-livre”, que se dizia CENSURADA e pugnava pela “anistia ampla, geral e irrestrita, redemocratização e diretas já”, cujos pleitos foram alcançados com a tal reabertura-política e anistia aos subversivos, terroristas, sequestradores, assassinos, assaltantes e guerrilheiros de guerrilhas rural e urbana adestrados em Cuba e evadidos – jamais exilados porque nunca houve pena de exílio, desterro ou degredo, no país, de nenhum cidadão brasileiro, enquanto e durante a tal “terrível, sanguinária e cruel ditadura-militar” [segundo os mesmos da imprensa-livre, tornados “agentes-de-transformação-social”, como urdido pelo tenaz, ardiloso, dissimulado, sonso, falso, sorrateiro e criminoso socialismo/comunismo ou progressismo – muitos dos quais se disseram vítimas e torturados: todos sem sequelas] mas agraciados pela “bolsa-ditadura”, assim como os assistidos pela “bolsa-Rouanet” que contempla a todos atores, atrizes e “celebridades” que esbravejam o ignominioso, sórdido e odioso movimento “elenão”!
– Nunca se viu uma ditadura [com ditadores sazonais, alternados e temporários escolhidos por representantes eleitos pelo povo, no Congresso Nacional, a cada cinco anos] nem “torturadores” ineficientes que todas as suas supostas vítimas sobreviveram e estão muito bem obrigado – a ver ao final deste. Por 21 anos, a “imprensa-canalha” [Millôr] fez e faz aquilo que vaticinara Joseph Pulitzer: “com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corruPTa formará um público tão vil como ela mesma”.
É o que temos visto – ou melhor: não temos visto, lido ou ouvido – a imprensa-canalha, como definida por Millôr, sequer menciona, informa e discorre ou denega, rebate, repele, repudia ou critica senão encobre o criminoso “foro de São Paulo”, que urdiu o fim do Brasil, para ser a Pátria-Grande deLLes, seus manifestantes desfraldam e empunham bandeiras outras que não a do Brasil.
Os canalhas da grande mídia sequer ficaram surpresos, indignados, contrariados ou assustados com a “facada do lobo solitário” – desempregado e “desmiolado, mas com quatro renomados advogados de uma caríssima banca advocatícia mineira – muito pelo contrário, até insinuaram ter sido uma farsa fingida e falsa como e tanto quanto eLLes – aliás, até hoje, nenhuma declaração da ONU, de seu Comitê de Direitos Humanos [aquele que “oficiou” ao Brasil, para libertação de um réu/presidiário/condenado/inelegível, que tem mais um “poste” ao seu encargo, que perdera a reeleição, com apenas 16,7% dos votos] e de nenhuma outra ONG internacional (ou nacional) condenando o atentado à vida de um presidenciável, que onde chega é “carregado nos braços” de um povo digno, decente, honrado, honesto e trabalhador, sobretudo patriota!
Ao contrário, essa imprensa canalha tem feito de tudo para desconstruir, destruir, difamar, injuriar e caluniar o único candidato que sozinho resolveu enfrentar, lutar e desafiar aos integrantes do Establishment, ao qual serve e tem servido uma gama de imensa maioria dessa mercenária mídia e maléfica imprensa canalha: “é incrível quanto pânico um homem honesto pode causar em multidão de hipócritas” – Thomas Sowell. Nesse sentido, eis, pois, o escólio de Olavo de Carvalho: “ser odiado por multidões de ignorantes é o preço de não ser um deles”. Ou: “você percebe que um país está falido moralmente quando a candidatura de um militar a presidência assusta, e a de um presidiário não”.
O “lobo solitário” o esfaqueou, e não o matou, graças às forças divinas! Já essa maldita imprensa o fere, diariamente, todo dia e o dia todo, com suas afiadíssimas logorreias em revistas, sites e blogs, sob o escopo de defesa de uma “democracia” igual à cubana ou venezuelana, mas nada diz, se indigna ou se assusta com declarações ameaçadoras de presidiários/condenados/réus e processados e julgados legalmente: “em que país do mundo um bandido condenado a mais de 30 anos de prisão – como Dirceu, o “capitão do time” – pode fazer um vídeo convocando o povo para a luta contra o Estado de direito? – Augusto Franco @augustodefranco.
Mais: "Vamos tomar o poder, que é diferente de ganhar a eleição", diz José Dirceu. Fonte: Último Segundo - iG @ https://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2018-09-28/dirceu-eleicao-pt.html
- ‘O ex-ministro José Dirceu disse ao jornal El País que “é uma questão de tempo para o PT tomar o poder”. “Dentro do País é uma questão de tempo pra gente tomar o poder. Aí nós vamos tomar o poder, que é diferente de ganhar uma eleição”, disse ele, quando questionado sobre o que acha da possibilidade de o PT “ganhar mas não levar” as eleições’. (Sic.) In https://politica.estadao.com.br/noticias/eleicoes,e-questao-de-tempo-para-tomar-o-poder-diz-dirceu,70002522942 – Percebam o “ex-ministro”(Sic.) e não o presidiário/condenado e “solto pelo STF”; ainda processado, inclusive!
Onde estão as Instituições, Órgãos e Poderes republicanos e democráticos e a “defensora da democracia” imprensa-livre que sequer se manifestam sobre tal ameaça desafiadora e temeridade afronta infensa à liberdade do povo brasileiro?
Onde estariam nossas briosas forças armadas de nossos bravos patriotas e “fiéis soldados da Pátria, a guarda”, o que aguardam: a guerra civil antevista por João Figueiredo ou estariam cooptadas, capituladas, concertadas, dominadas e rendidas aos que “lutaram pela democracia” – presos antes e atualmente – que prova cabalmente que não é o regime e sim o caráter ou a falta deste neLLes; ou não?
Enfim, nas quase supostas miríades de povo somente compostas de sequazes e séquitos da súcia matula escarlate [universitários e secundaristas, do “elenão”] composta de uma imensa gama idiotas-úteis ["O idiota útil, por definição, é idiota demais para saber que é útil e quem o utiliza”- Olavo de Carvalho] sequer se viu ou se vê uma única bandeira do Brasil, mas tremulam em mãos empunhadas e de punhos erguidos e cerrados aquelas flâmulas assassinas escarlates da foice&martelo!
Temos dito, repetido, reiterado e replicado: urge endireitar nossa pátria ou sobrevirá o vaticinado por figueiredo: uma declarada guerra civil; já não basta a eLLes os mais de 60 mil assassinatos/ano nesses mais de quinze anos de desgovernos deLLes.
"Deus acima de tudo e Brasil acima de todos" (ideologias, ideias, ideais, pensamentos partidos políticos – verdadeiras ORCRIM) é bom, pois, muito bom mesmo, JÁ IR se acostumando, e aceitando, Jair Messias Bolsonaro só não será eleito se houver um outro estelionato eleitoral igual ou pior ao de 2014, “nessas confiáveis, invulneráveis, invioláveis e seguras urnas digitais eletrônicas da Smartmatic venezuelana, de George Soros”!
Abr
P.S.: desafio explicarem quem constituiu uma banca de adEvogados para defesa do "fanático estúpido" ou “lobo solitário! ;)





sexta-feira, 28 de setembro de 2018

BONANÇA SÓ COM MUDANÇA E ALTERNÂNCIA QUE PRIMAM À ESPERANÇA! OU: DEPOIS DA TEMPESTADE SOBREVIRÁ O SOL DA ESPERANÇA: "post nubila phoebus"1!

Joilson Gouveia*

Resta claro, induvidoso, insofismável e provado, que há corrupção no mundo inteiro, (desde os mais remotos tempos e lugares) porém o único lugar do mundo em que há fiéis, ferrenhos e “leais” torcedores fanáticos e simpáticos apólogos dela e de todos os crimes de alguns corruPTos criminosos condenados e presos é o nosso Brasil.
Daí se infere, se descobre e se percebe quão falida ética, legal, jurídica e moralmente está nossa pobre, combalida e espoliada nação – assim em minúsculo mesmo, como anelado por eLLes -, pois a candidatura à presidência de um impoluto, digno, bravo e aguerrido militar, decente, honesto, honrado e ficha-limpa, ASSOMBRA, ASSUSTA e CAUSA PÂNICO e AVERSÃO SENÃO ABOMINAÇÃO, mas a de um presidiário/réu/condenado/preso, inelegível e “IRREGISTRÁVEL” [Luiz Fux] NÃO ASSUSTA NEM ENVERGONHA aos seus sequazes escarlates filiados, nem sequer faz esses seus torcedores fanáticos refletirem sobre o que é BOM e RUIM à nação!
Há, pois, ainda - a toda prova, obviedade e clara evidência - uma ínfima e considerada parte de inocentes, ignaros, ingênuos, agnósticos, ignorantes, subliteratos, semianalfabetos e analfabetos funcionais e políticos (dessa nossa sociedade) que opta, apoia e prefere “endeusar”, torcer e enaltecer ao seu “presodenciável”, o qual não respeita, espezinha, desdenha, desobedece e descumpre às Leis e à Justiça Eleitoral e ao Poder Judiciário: “o poder judiciário não vale nada; o que vale é relação entre as pessoas”; de uma “alta corte totalmente acovardada”; ou não?
Será que seríamos todos criminosos? Ainda teríamos arraigada a etnia dos degredados colonizadores da “terra-brasílis”? Ou tudo isso reflete todo o escólio de Paulo Freire e Antonio Gramsci, nesses mais de 12 lustros de dominação escarlate?
Doutra parte, vê-se às escâncaras o assestado por Joseph Pulitzer: “Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma”! É, pois, o que se constata quando expõem e dispõem de uma “imprensa canalha”[Millôr] em favor deLLes, como sói acontecido, bem por isso, urge relembrar que "o momento exige que os homens de bem tenham a audácia dos canalhas". - Benjamin Franklin.
Todos vimos: "um intolerante fora atacado em MINAS" por um pacato, pacífico, amoroso e tolerante ou amante de semelhantes; não?
Embora não o comentem, mas não o lamentem, talvez até, quem sabe, estejam contentes e até lamentem não ter sido fatal - suponho seja seus mais latentes desejos - ante tanto escarnecimento à vítima "que prega violência e colheu o que semeou"; né?
Daí circular das redes sociais: a) “você descobre que um país está moralmente falido quando a candidatura de um militar à presidência assusta, mas a de um presidiário não”; b) “A imprensa brasileira teme mais a candidatura de um militar do que a de um condenado por corrupção. Isso soa-me muito suspeito”! - (Donald Trump)
Há uns outros que dizem que o Mito “não estar preparado para ser presidente”, como se os cinco últimos estivessem! Tanto é que os “preparados” nos legaram mais de 13, 5 milhões de desempregados, só para dizer o mínimo! – Na íntegra in http://gouveiacel.blogspot.com/2018/08/a-pesquisa-e-torpe-mais-que-fake-news.html.
Há mais de 32 anos que dizem ser a solução para os males do Brasil quando eLLes é que são todos os males perniciosos e malefícios para o Brasil e do Brasil! “É loucura fazer sempre as mesmas coisas e esperar resultados diferentes”! Convém relembrar: “venceram” em 2002; 2006; 2010 e 2014. Agora, “prometem consertar o país destruído pelos governos anteriores”!
Enfim, eLLes ainda falam em “esculhambação”!
- "ESCULHAMBAÇÃO"? Desde quando há essa "esculhambação" - quem poderia responder pela "melancia" quadrienal?
- Afinal, desde quando ascenderam ao Poder a "esculhambação" é a mesma e sequer houve melhoria do que havia na democracia de outrora, que era bem melhor que essa de agora, embora escrachada, achacada, molestada e pechada de "ditadura" por esses democráticos que exigiram a ardilosa "redemocratização" que gerou toda essa ESCULHAMBAÇÃO, que todos os esquerdistas de esquerda e à esquerda prometem "consertar", "reparar" e "remendar"; não é hilário!?
Pergunte-se ao "Dr Google": quem é o político mais honesto do mundo e quem é o maior ladrão do mundo?; dirimam suas "dúvidas" seletivas e/ou parciais! ;)
Ao ensejo, trago à colação um breve texto pescado nas redes sociais:
Se depois de 14 milhões de desempregados, se depois de transformarem a educação em prostituição, se depois de 60.000 assassinatos por ano, se depois do endividamento de 90% das famílias, se depois da falência total da saúde pública, se depois da volta de doenças há séculos erradicadas, se depois da maior roubalheira da história do ocidente, se depois de a cúpula de um partido estar presa, se depois de tudo isso eu parar e discutir com um eleitor do Lula (PT), nesse momento O IDIOTA SEREI EU”- (Kleber Augusto Pereira)
- 1DEPOIS DAS NUVENS FEBO (O SOL)
PARA MUDAR DE VERDADE – “O Mito chegou… e o povão acordou…” #EleSim #Bolsonaro17 #ForçaCapitão #Bolsonaro2018 😉 😀 😀
Abr
*JG


quarta-feira, 26 de setembro de 2018

PAIXÃO CEGA VISÃO E IDEOLOGIA DERROGA RAZÃO; OU NÃO?


#EleSim #CapitãoVoltou #Jair17 #Bolsonaro2018

Joilson Gouveia*

Urge trazer à colação excertos de textos pescados e colhidos na grande rede mundial de computadores ou redeweb - www, a ver:
  • A. “RESPOSTA AOS PETISTAS E SIMPATIZANTES DO RÉU/PRESIDIÁRIO/CONDENADO, INELEGÍVEL e “IRREGISTRÁVEL [Luiz Fux] – Lula foi condenado por um juiz de primeira Instância, depois teve sua pena majorada por três juízes de segunda Instância, depois teve um habeas corpus negado por cinco ministros do STJ e ainda teve seu habeas corpus negado por seis ministros do STF – dos onze existentes, oito nomeados por eLLe e eLLa – Se você acha que entende mais de direito e processo penal do que 01 juiz, 03 desembargadores, 05 ministros do STJ e 06 ministros do STF juntos, então corre pro próximo concurso, pois você é um gênio perdido do direito brasileiro”. (Sic.)
  • B. SÉRGIO FERNANDES MORO: 1) “Não é vazamento seletivo. A constituição exige publicidade em crimes contra a administração pública”. – Isso a grande mídia e “imprensa canalha” [Millôr] não divulgam. É paga para isso. 2) “As pessoas têm ilusões sobre alguns ídolos, mas é hora de verem a verdade. Se você for ao processo, vai ver que ninguém está sendo investigado ou julgado por causa de sua opinião política, mas por causa de lavagem de dinheiro, propina, atos criminosos”. (Sic.) – Em debate em Nova York.
  • C. JOILSON GOUVEIA - De mais a mais, é uma açodada leviandade, obscenidade, irresponsabilidade e temeridade senão precipitada a ilação de “crime de ódio”, diante de um total de mais de 62 mil assassinatos/ano, só no último triênio - como se houvesse ou pudesse haver algum “crime de amor”, salvo aos séquitos, sequazes e inocentes-úteis universitários e secundarista lobotomizados da súcia matula escarlate, que veneram o “herói”: "É preciso endurecer mas sem jamais perder a ternura”. Mais conhecida no original: hay que endurecerse, pêro sin perder Ia ternura jamás", (ou seja: MATE; MAS COM TERNURA) reles assassino frio, cruel e sanguinário, pela CAUSA – ver posts ao final deste.
  • Todo e quaisquer crimes, mormente letal à vida humana (homicídio) é resultado expresso de uma indômita cólera e extremada ira ou calculada sordície e torpe vileza de frios assassinos desumanos, que jamais dão uma segunda chance às vítimas, embora muitos defendam que mereçam segunda, terceiras e quartas chances aos meliantes e criminosos de todos os gêneros.
  • Aliás, muitos até anelam um presidiário/réu/condenado e inelegível, na presidência, em detrimento de um ficha-limpa, probo e honrado; o que reflete no imaginário de um povo ignaro, rude, bronco e subliterato: o crime compensa ou estudar para quê? Ou: trabalhar, nunca! Roubar é muito mais lucrativo!
  • Enfim, atribui-se a Voltaire: “A civilização não suprime a barbárie; aperfeiçoa-a”, e o que não dizer de nós, enquanto nação, que nem educados somos quanto mais civilizados?
  • Toda paixão derroga a razão e as ideologias também, quando não os cegam não só a visão!
  • Ab
  • *JG - Na íntegra in http://gouveiacel.blogspot.com/2018/09/a-vida-humana-nao-tem-nenhuma-valia.html
E dissemos mais, muito mais, a saber:
  • "Peninha", meu prezado, predileto e preclaro "Peninha"!
  • Sua paixão está derruindo sua razão, é de dar dó e muita peninha, “Peninha”!
  • Ora, desde 2016 que esse seu "amado" ídolo, que chamas de “mito” que virou “mártir” por ser um “perseguido” pela Justiça e Ministério Público e Polícia Federais - para mim, um reles mitomaníaco - não transfere nada mais que suas próprias desgraças e derrotas, seja política ou jurídica: não fez edil o próprio rebento, e no seu habitat e próprio covil; antro da jararaca escarlate: São Bernardo do Campo/SP!
  • Urge relembrar: apenas, só e somente só, numa única capital, das 27 existentes, fez o alcaide: Rio Branco/Acre; que está afastado e sendo processado tal e qual o preso/condenado/presidiário e INELEGÍVEL.
  • Aliás, seu "vice" presidencial, ora titular, que, também, está sofrendo impugnação pelo MP/SP: “pai do Kit-Gay e do Bolsa-Crack”, que quer reformular o kit; da ciclovia que liga nada a lugar nenhum e a mais cara do mundo, que deixou nossa educação mais baixa que rabo de cavalos, asnos e burros.
  • Inclusive, em todas as eleições suplementares recentes, os resultados foram mais que desairosos, degradantes e deprimentes: Amazonas, Piauí e Tocantins; os apoiados pelo presidiário, amargaram fragorosas derrotas...
  • Enfim, somente uma esperança: outro estelionato eleitoral igual ou pior que o havido em 2014, e se o Dias, mais uma vez e novamente, cumprir o assestado por Josef Stalin: “voto nada decide; quem conta os votos decide tudo”!
  • Fora disso; estão e estarão fora: “adeus, queridos”!
  • É bom, é muito bom mesmo, “JÁ IR se acostumando”, e aceitando – como falam os que já experimentaram: vai doer bem menos; aceita, “relaxa e goza”! – Da Marta, outra em suplício e quase morta, política e eleitoralmente!
Ademais disso, inclusive já havíamos dito, repetido, reiterado e replicado, a saber: Defender criminoso/condenado é mera apologia ao vil criminoso e aos seus crimes!

No mais, fico com a sabedoria popular retratada num dos mais adequados memes recentes: "Pior que um governo corruPTo é o cidadão que o defende" e "Não é honesto, nem decente um cidadão honrado e de bem defender ou votar no 'PT', por ser apologia ao crime"! Ou não? Ah! A propósito quando e quantos, dos condenados do tal "partido", foram expulsos, como vociferado pelo seu presidente Rui Falcão? – Na íntegra in http://gouveiacel.blogspot.com.br/2016/11/o-temor-do-temido-temer-nao-e-justo.html - até agora, só Delcídio do Amaral e Antonio Palocci.

Logo, é ignorância, agnosia ou insanidade irrecuperável senão insanável, ainda que controlável, sob altas doses entorpecentes! Como já averbado, e aqui reitero: O que nos dizem os adesivos, camisetas, faixas, cartazes, bonés, vídeos e memes apologéticos em defesa de um réu/condenado/preso/presidiário e cumprindo pena de 12 anos e 1 mês, e processado noutros processos mais (uns 8 ou 9), mais dois internacionais? O que dizer das debacles caravanas?

Enfim, nossas atitudes, gestos e ações dizem muito mais do que somos do que as belas palavras generosas e boas intenções!

O foco há de ser único, específico, exclusivo e voltado permanentemente ao nosso candidato Jair Bolsonaro 2018, a ultima Esperança da Nação; sem publicar, comentar, respostar ou compartilhar quaisquer assuntos, temas e notícias sobre os adversários, que usufruem dos impulsos gerados pela justa, adequada e devida resposta de indignação, reprovação e objurgação esposadas por nós, os bolsonarianos! Atentem para isso, por favor! Logo, precisamos fazer simplesmente isso: é simples, muito simples, basta que façamos assim:
#EleSim #Jair17 #Bolsonaro2018 #BolsonaroPresidente2019 #ForçaCapitão; #ElasTodasSãoBolsonaro17; #SomosTodosBolsonaro17; #MulheresApoiamBolsonaro17, #SouMulherSouBolsonaro17; #CapitãoVoltou, para já acabar no primeiro turno!
Abr
*JG

terça-feira, 25 de setembro de 2018

É BOM JÁ IR ACEITANDO SERÁ MUITO MENOS SOFRIDO: “ADEUS, QUERIDOS”!

Joilson Gouveia*


O "crescimento", aqui citado pelo ilustre autor, somente poderia ser veraz se o "fantoche” ou POSTE - do réu/condenado/presidiário e INELEGÍVEL ou 'IRREGISTRÁVEL" [Luiz Fux] - tivesse usado fermento; ou, usando-se do douto escólio de Joseph Paul Goebbels* - pai da mentira - "uma mentira repetida mil vezes poderá se tornar realidade - a ver: “A essência da propaganda é ganhar as pessoas para uma idéia de forma tão sincera, com tal vitalidade, que, no final, elas sucumbam a essa idéia completamente, de modo a nunca mais escaparem dela. A propaganda quer impregnar as pessoas com suas idéias. É claro que a propaganda tem um propósito. Contudo, este deve ser tão inteligente e virtuosamente escondido que aqueles que venham a ser influenciados por tal propósito NEM O PERCEBAM." - (Sic.) - Na íntegra in https://gouveiacel.blogspot.com/2016/05/guerras-nas-estrelas-o-imperio-contra.html.
Aliás, todos vimos, tanto nas caravanas do CONDENADO, antes da sentença de clausura ao xilindró, quanto na recente visita de seu mais novo "poste" sequer se viu alguma miríade de povo seguindo-os, mormente dos vídeos divulgados pelos próprios interessados e pela “imprensa canalha”[Millôr], inclusive só obteve 16,7% dos votos ao ser derrotado fragorosamente à reeleição em 2016, com o tal “réu livre” e solto!
Ademais, urge destacar que “venceram” em 2002, 2006, 2010 e 2014! De lembrar que, as carpideiras escarlates remuneradas bramiram esbaforidos iracundos: “É GÓPIS”! etc., mas se (re)aliaram numa NOVA aliança aos “golpistas”! Agora, vociferam, esbravejam e dizem que “irão consertar esse país”! Ou, como dizem uns outros mais cultos e aprimorados: “buscam à delicadeza perdida”! É hilário ou caricato? :D
Temos dito: não é inteligente jogar limpo com quem só joga sujo, e só sabe dar golpes baixos e abaixo da linha-de-cintura; é mais que bobeira, é asneira; é ingenuidade pueril, mormente quando dispõem de uma “imprensa canalha”[Millôr] em favor deLLes, como sói acontecido desde o assestado por Joseph Pulitzer: “Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma”! Bem por isso, é chegado o assestado seguinte: "O momento exige que os homens de bem tenham a audácia dos canalhas". - Benjamin Franklin.
Abr
*JG
P.S.: #EleSim #Jair17 #Bolsonaro2018 #BolsonaroPresidente2019 #ForçaCapitão; para já acabar no primeiro turno!

domingo, 23 de setembro de 2018

BUSCAR A “DELICADEZA PERDIDA” OU QUEM NOS OBRIGOU PERDÊ-LA?

Joilson Gouveia*


Como “buscar a delicadeza perdida” depois de mais de seis lustros desastrosos, catastróficos, devastadores e destruidores de princípios, valores, costumes e de tudo de bom e do melhor que havíamos tido nos mais de vinte e um “anos dourados”, derribados, derruídos, destruídos e desconstruídos pela mesma retórica falaz, loquaz, mendaz e mordaz de pensadores-crítico, ideólogos, psicólogos, sociólogos, philosophaes uspianos e “intelectuais” esquerdistas de esquerda e à esquerda, espertos, cultos e inteligentes senão exímios azes da pena e do teclado, que insistem, recalcitram e teimam em não ver ou não querer ver a tudo isso que aí está: que sempre foi, está, é e será errado, desde os primórdios?
Nenhuma crônica, nenhuma poesia, nenhum conto, prosa ou ensaio encobrirá, debelará ou recuperará em curto e médio prazos o legado da oprobriosa, inescrupulosa e criminosa gestão escarlate, nesses mais de seis lustros, eis uma breve sinopse, a ver:
A HERANÇA PETISTA – Fonte: IBGE; Divulgação: MBL.
- Um em cada quatro brasileiros vive abaixo da linha da pobreza;
- Treze milhões de brasileiros vivem na pobreza extrema;
- Onze milhões de brasileiros analfabetos, maioria no Nordeste;
- Cinco em cada dez brasileiros adultos não passam do ensino fundamental;
- Vinte e cinco milhões (de brasileiros, de 14 a 29 anos) não frequentam escola.
Digo mais: o Brasil, do referido “melhor” (segundo ao séquito de sequazes escarlates), tonou-se:
- o maior consumidor de crack do mundo;
- o 2º maior consumidor de cocaína do planeta;
- há mais de 60 mil assassinatos, por ano; mais de 700 mil, em mais de doze anos de petismo;
- há mais de 32 mil leitos desativados, no SUS;
- a dívida interna quase triplicou; dívida externa já passou dos 3,2 bilhões, em dólares;
- nunca se viu tantos ex-ministros e integrantes do “partido” [hoje, reconhecidamente uma ORCRIM] processados, julgados, condenados e presos, mas só dois foram expulsos: Delcídio e Palocci;
- caso do Mensalão e do PTrolão, mais outros que virão;
- os maiores lucros de banqueiros e maiores escândalos de corrupção e corruPTores da “história desse país”.
Por que, onde, como, quanto, quando e para quem o nefasto réu/condenado/presidiário e INELEGÍVEL (ou IRREGISTRÁVEL, segundo Luiz Fux) “foi o melhor” e quem destruiu toda alegria, urbanidade, amabilidade, delicadeza, ternura, afabilidade e confiabilidade do povo brasileiro, cara escarlate?
Precisamos, sim, de uma mudança radical à direita, imediata e urgente, para que sejamos tornados gente, outra vez e como outrora, quando éramos felizes!
Ah! Se foi o “melhor”, deixou de sê-lo; JÁ ERA! É passado e está no “lixo” da História! Sua “criatura” foi pior que o Frankenstein! ;)
É melhor JÁ IR se acostumando, e aceitando... #Jair17 #Bolsonaro2018
Abr
*JG
P.S.: Postado in http://blog.tnh1.com.br/ricardomota/2018/09/23/em-busca-da-delicadeza-perdida/ 
"adeus, queridos"!




A POLARIZAÇÃO É QUANDO HÁ DOIS LADOS IGUAIS, NO CASO, MAIS DE 75% DO POVO BRASILEIRO QUER SALVAR SUA PÁTRIA AMADA, BRASIL, DOS ESCARLATES!

Joilson Gouveia*


Instando, aos meus quase cem leitores, as devidas, adequadas, merecidas e justas escusas, para transcrever o texto de um dos mais cultos, exímios, preparados e inteligentes arautos, useiro e vezeiro da verve de esquerdistas de esquerda e à esquerda, um direito-humanista confesso, coletivista, igualitarista e progressista – uma evolução nominal de escamoteados ou dissimulados, sonsos, matreiros e falsos amorosos, bondosos e tolerantes aos que se lhes são contrários, opostos, antagônicos, díspares ou diferentes, também aos alheios, diferentes e neutros às suas ideias, ideais e ideologias comunistas/socialistas/marxistas/stalinistas/leninistas/trotskistas ou gramscistas e Fabianistas, que superaram aos primeiros (que buscavam à luta armada) preferindo à hegemonia [das ideias dominantes] sorrateira, tenaz e paulatina do pensamento-crítico, que vem sendo pregado e apregoado desde uns dez ou doze lustros: esqueçam as armas e os quartéis; ocupemos escolas, universidades, igrejas e repartições públicas dos Três Poderes democráticos e republicanos das democracias: “a democracia é estrada segura aos (“progressistas”) comunistas/socialistas” – há mais sobre o tema em nosso blog – mas vejamos o assestado pelo perlustrado blogueiro humanista e arauto escarlate:
·Eu acredito que essa polarização está na grande mídia, principalmente, mas não na sociedade brasileira.
·Há divisões várias entre nós, muito evidentemente, e que afloram principalmente nesses tempos de redes sociais, em que uma frase define alguém ou um campo político de forma “absoluta”.
·Bobagem.
·O embate mais ‘momentoso’ é o que acontece entre os seguidores de Bolsonaro – que podem até se somar aos que “odeiam” Lula – e os “comunistas” (todos os demais), na definição de uma parcela significativa dessa tropa”. (Sic.)
- Ora, o ódio é um dogma de Lênin: Precisamos odiar. O ódio é a base do comunismo. As crianças devem ser ensinadas a odiar seus pais se eles não são comunistas” – Lênin. https://www.pensador.com/frase/MTQ4MjE5Nw/– Na íntegra in http://gouveiacel.blogspot.com.br/2017/10/seriam-tais-haters-os-socialistas.html. Aliás, “imputar ao outro aquilo que pratica e o que és”, também é outro dogma leninista. Nojo, asco, aversão ou abominação aos crimes e ao contumaz criminoso talvez seja o sentimento ao “presodenciável inocentO e alma mais ONESTA”; ou oprobriosa vergonha em ver alguns ditos intelectuais inteligentes em sua defesa! Um sujeito que tudo deLLe é dos outros, até a candidatura! Outra: por que Rui Falcão só expulsou [da ORCRIM, segundo a mídia nacional] o Delcídio Amaral e Antonio Palocci?
·Talvez estejamos mesmo à frente de um conflito, mas que vai além: sobre qual o caminho civilizatório a tomar.
· É verdade que a agenda preferencial de Bolsonaro é de direita (extrema) em qualquer lugar do mundo. Acho, inclusive, que o fato de que a turma que defende os seus valores como um credo tenha se mostrado é bom para o país, por mais arriscado que possa parecer para muitos. Ele representa fortemente um lado, mas o outro não é feito de grupos que pensam igualmente, embora discordantes todos do seu ideário”. (Sic.)
Seria hilário senão risível, caricato, descomunal e desprezível falar em conflito, violência, virulência ou extremismo dos “extremistas-direitistas-bolsonaristas”, que mais têm sido vítimas dos tolerantes, amorosos, pacatos, urbanos e gentishumanistas”: agressões, cusparadas, defecadas, urinadas, pedradas, depredações, queimadas, ovadas, purpurinadas e até facada... (que lamentaram não ter sido fatal!) Pasmem! Como são bonzinhos; não!?
·Fato concreto: nós também somos isso – como povo.
·Machismo, preconceito racial, homofobia, tudo isso faz parte do pacote que nos forma como nação heterogênea e nem sempre pacífica – os números não mentem -, apesar de tantos de nós rejeitarem esses sentimentos pouco elevados.
·Se, por outro lado, queremos continuar assim ou até fazer deste o comportamento oficial brasileiro, que tudo aconteça às claras, sem a hipocrisia de cada dia”.
Mais às claras do que tem sido, filmado, gravado, registrado, preso e autuado, mas a “imprensa canalha”[Millôr] os chamam de suspeitos – elementos que trocaram tiros com a polícia; ou pegos com toneladas de drogas ou até mesmo de “lobo solitário” e de “estúpido fanático” um assassino de aluguel – fale-nos da bancada de adEvogados, do “pobre doido”!? – A dona da pensão morreu, na qual esteve hospedado, com tudo pago “pelo desempregado”; sabiam?
·Ao estabelecermos a atual eleição presidencial como resultado da polarização entre direita e esquerda, estamos reduzindo a pouco, quase nada, os conflitos latentes da nossa sociedade, que só se manifestam, em regra, nos momentos de maior tensão emocional”. (Sic.)
·E mais: estaremos também condenando os que não têm chance de entender – dialeticamente – que um país não precisa de mártires e/ou de heróis a assumirem uma condição que desconhecem e com a qual não têm qualquer intimidade”. (Sic.)
Polarização” descabida, inaceitável e inimaginável sob todos ângulos, aspectos e prismas: “pior que um governo corruPTo é o cidadão honesto que o defende”, e o pior: uma ínfima parcela pretende vê-lo de volta! Inclusive, já havíamos assestado isso, em seu Blog, a saber: “Como é que é: “Os dois casos, cada um a seu modo, devem nos alertar para o caminho que estamos trilhando, não deixando que a violência se naturalize ainda mais no Brasil e/ou em Alagoas”? Ora, então, responde-nos, “Peninha”: Por que só há vítimas da direita, se há virulências e radicalismos e violentos naturalizados, “dos dois lados”? A ver: http://gouveiacel.blogspot.com/2018/09/jair-messias-o-mito-x-lobo-bando-de.html
·Há pouca paciência para pensar e nenhuma para ouvir – e isso vai muito além de uma questão ideológica, como propaga uma parcela da mídia, preguiçosa e, às vezes, até desonesta. Espalha o medo e divide a sociedade como a uma pizza de dois sabores – e só dois sabores.
·“Exige-se muito mais de nós brasileiros, na atual disputa, do que decidir quem é contra ou a favor da liberação do porte de armas (eu sou contra), um símbolo do debate “político e existencial” de vigorosos militantes.
·Já os que vivem identificando fascistas e comunistas entre todos os discordantes precisam ampliar o grau das lentes com as quais enxergam o mundo: temos uma diversidade de mais de sete bilhões de indivíduos – como nos ensina a ciência”. (Sic.)
Liberalização da posse – não do porte – como fora decidido no plebiscito, e não respeitado e cumprido pelo governo de então – embora a todos sejam facultado ter suas armas pelo ED, que somente desarmou ao cidadão e à cidadã de BEM – os excluídos sociais estão muito bem armados “socializando a riqueza”, diuturnamente, como lecionado pelas philopheas uspianas; não cometa tamanha obscenidade e desbragada irresponsabilidade ou desserviço: o estado não pode nem deve tolher o direito de autodefesa de seus cidadãos e cidadãs, mormente por não garantir, proporcionar, assegurar e prestar uma segurança púbica o mínimo condizente à incolumidade do sujeito e da integridade física e da própria vida do cidadão ou cidadã, que sequer tem tido uma segunda chance nas mãos dos meliantes infanto-juvenis tutelados pelo ECA e parlamentares humanistas!
Ah! E essa coisa de fascistas é típica de comunistas: rotularem e adjetivarem aos contrários! Esqueçamos dos 7 bilhões uma vez que mal cuidamos dos 210 de milhões de brasileiros e de brasileiras, mormente dos mais de 12,5 milhões de desempregados demitidos no último triênio, todos nós ameaçados e na iminência de uma “cubanização” ou “venezuelização”!
·Esse reducionismo midiático cabe bem para os que ainda vivem a dicotomia da Guerra Fria, nesses tempos quentes. Dá até para vender noticiário, ralo e sem consistência, mas não nos leva a lugar nenhum.
·O convívio democrático é o convívio dos contrários, não dos iguais. Respeito é a palavra chave, e para quem o ignora, a lei.
Ora, ora, a lei!? Essa diz claramente que um ficha-suja não pode nem deve participar de um pleito, e o que é que a mídia diz, faz e desfaz?
Retórica falaz, loquaz, mendaz e mordaz de uma novilíngua orwelliana: humanistas, coletivistas, igualitaristas querem que sejamos todos iguais, não só em pensamento-crítico, inclusive em gênero – como se fora possível – e jamais respeitarem à menor e mais mínima das minorias de um povo, sociedade ou comunidade: o indivíduo!
Para leitura, e reflexão, aos que conseguem ler e interpretar o mais mínimo texto: "Você percebe que um país está falido moralmente quando a candidatura de um militar a presidência assusta, e a de um presidiário não". Ou: "O idiota útil, por definição, é idiota demais para saber que é útil e quem o utiliza" - Olavo de Carvalho. Temos dito, repetido, reiterado e replicado: “Vê-se às escâncaras, destarte, aquilo que já assestara Thomas Sowell: “É incrível quanto pânico um homem honesto pode causar em uma multidão de hipócritas”. Sem descurar do averbado pela Águia de Haia ao vaticinar: “A pior ditadura é a ditadura do Poder Judiciário. Contra ela, não há a quem recorrer”. – Na íntegra in https://gouveiacel.blogspot.com/2017/03/onde-imprensa-e-livre-e-todo-homem-e.html. E relembra a Águia de Haia, a saber:
De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto. Essa foi a obra da República nos últimos anos”. Isso dizia Ruy Barbosa no Senado da República, em 17 de dezembro de 1912”. (sic.) – Destaquei. – Na íntegra in https://gouveiacel.blogspot.com/2016/08/dois-lustros-para-uma-mera-decisao.html
Enfim, encerro com Guilherme Fiuza: “O politicamente correto continua sendo o melhor disfarce para o intelectualmente estúpido”, mormente quando uma ínfima parte ou parcela de um subliterato povo parece preferir ao presidiário em detrimento do probo, honrado e incorruPTível parlamentar, só por ser militar da reserva remunerada, na patente e posto de capitão do exército brasileiro, e uma das maiores senão a maior reserva moral parlamentar, defensor da lei, da ordem, dos bons costumes, da família e de Deus.
Abr
P.S.: continuo a nadar nas lágrimas das carpideiras escarlates! 😀 🙂 😉
#EleSim #Jair17 #Bolsonaro2018 #SomosTodosBolsonaro
Por enquanto, é isso!
Abr
*JG