sexta-feira, 13 de março de 2015

EM DEFESA DO BRASIL, EU SOU COXINHA, SIM!

Joilson Gouveia*

Aos que defendem ter havido “proficiência” dos ilhéus “na insurgência” sexagenária decrépita, débil e moribunda, em verdade histórica, adrede grassam erros crassos porquanto a conjuntura atual desmitifica, desmascara e desnuda a realidade e verdade dos fatos, a saber: a) onde a proficiência alegada, aduzida e assestada, se o povo vive em opressão permanente nesses últimos sessenta anos – bem diverso dos aliados de “el comandante em chefe” e deste que vive nababescamente; b) seu povo pacato, ordeiro, simples e ignorante se deixou dominar ou iludiu-se com um sonho irreal e de real estagnação social – vejam como a ilhota é uma “potência mundial evoluída”, que sobrevive de óbolos generosos DOADOS ou DESVIADOS ou “emprestados secretamente” de nosso Erário, por quem não o detém nem lhe pertence e, muito menos, DELE poderia dispor “secretamente” e SEM ANUÊNCIA E EXPRESSA AUTORIZAÇAO DO CONGRESSO NACIONALnada no Brasil, tudo para Cuba; se não bastasse o PUERTO, já “moderniza e amplia” seu aeroporto havano. Seria risível senão fora ridículo, acintoso ou criminoso!
Mais: se paraíso fosse, seus ilhéus se arriscariam aos naufrágios e afogamentos de tantos que fogem de lá para os “isteites”? Que democracia é essa em que seus cidadãos sequer dispõem do livre direito de expressão do pensamento ou de livre locomoção? O mundo inteiro é testemunho às agressões sofridas, aqui no Brasil, à destemida blogueira cubana, Yoanni Sanches, pelos iracundos cães vermelhos da estrelinha solitária. Quem não se lembra dos atletas cubanos, durante o os Jogos Pan-americanos, instaram asilo político e, como resposta, foram presos e conduzidos à ilhota – o que sucedeu com eles?
A outrora revolução socialista cubana tal qual a russa que, de modo igual e semelhança sanha sanguinária, ceifaram milhões de vidas humanas dos compatriotas que tiveram ideias divergentes, diferentes, diversas e díspares de seus “comandantes” – o “muro caiu”, em Berlim, unindo alemães numa única pátria, a “Perestróica”, de Gorbachev, desfez a ilusão social russa e remediando seus equívocos arcaicos estribados em pensamentos dos “grandes trabalhadores” almofadinhas Marx-Engels, Lênin, Stalin e etc. diante do fracasso prático, verídico e real das “comunas” insuportáveis e humanamente impraticáveis.
Simon Bolívar – que teria inspirado ao louco de cujus, -“que vive num Maduro putrefeito” -, bravamente lutara pela independência, da Espanha, que colonizara parte das Américas. Seu pensamento avançado para sua época, nos idos de séculos perdidos no tempo e espaço. Ora, hoje, descabidos! Nada mais retrógrado! Passou! Findou-se! Ainda que seja o mesmo rio as águas são outras!
Reitero: “Aquele que não conhece a verdade é simplesmente um ignorante, mas aquele que a conhece e diz que é mentira, este sim é um criminoso.Bertold Brecht!
Outra coisa: como entender “ATOS EM DEFESA” da PTrobrás, se  quase extinta, de tão vilipendiada, espoliada, aviltada e depenada Petrobrás, que sofreu e sofre, ainda, assaques de abutres, de aves de rapina, de hienas ou de raposas integrantes desses desgoverno, nesses quase três lustros – uns imbecis alienados imputam ao “FHC ter aberto às portas da corrupção”, mas, contudo, seus sucessores esqueceram de fechá-las; ou não? Em sendo verdade, os põem na mesma sarjeta e esgoto ou lodaçal pantanoso e fétido habitat de corruPTos e corruPTores, que se dizem vítimas do pool ou cartel de empresários – para eLLes a culpa sempre foi, é e será do patronato; mas esquecem que eLLes são “os patrões”, nesses últimos treze anos. Ou não?
A quem puder responder possa: onde começam os tais movimentos sociais, que lutam por reformas agrárias, e termina o “putê” e vice-versa? Por que tais socialistas vermelhos não fizeram a almejada reforma agrária, se garantidas pela CF/88 e prevista nos estatutos da terra?
Das duas uma: ou não há terras devolutas e improdutivas neste país ou tais movimentos são os braços armados miliciano paramilitares desse partido, que mais demonstra ser uma quadrilha de meliantes mafiosos que um partido político e “dos trabalhadores”: há quase 7% de desempregados, segundo o Dieese e IBGE; a taxa de inflação mais alta que a popularidade dela, que é de apenas 7%; AUMENTOS EXTORSIVOS, ESCORCHANTES E INSUPORTÁVEIS DE COMBUSTÍVEIS, ENERGIA, ÁGUA E OUTROS SERVIÇOS; IOF de 100%; mais de sessenta mil mortes ou vítimas de crimes de violência letal intencional – HOMICÍDIOS, sem contar aos mais de 230 policiais civis e militares, só em 2014, e etc.
E, diante desse descalabro todo, ainda querem IMPOR restrições ao nosso direito de indignar-se, insurgir-se e rebelar-se contra a tudo isso? Ou pedir paciência e mais uma chance para isso ou aquilo... Tenha paciência, digo eu e dizemos nós!
Quem nada fez nesses últimos doze anos senão o que todos sabem; nada mais fara doravante! FORA CORJA! Fora canalhas vermelhos!
Dia 15, vamos todos GRITAR ALTO, FORTE, UNÍSSONO E EM BOM TOM: FORA PUTÊ E LEVE-A COM VC!
Deus seja louvado, sempre!
Abr
*JG

P.S.: Do jeito que a conjuntura está; sou “coxinha” desde adolescente!

Nenhum comentário:

Postar um comentário